.

E o tal do fósforo? – Informe 8

Quando orientamos você sobre os alimentos industrializados, citamos que os aditivos alimentares contem sódio e fósforo.

 

O fósforo é também um mineral importante, mas, como o sódio e potássio, precisa ser mantido em níveis ideais. Quando a Taxa de Filtração Glomerular (TFG)* está abaixo de 29 mL/min, é quando o fósforo no sangue começa a ficar acima de 4,6 mMEq/L.

Mas não se engane que você deva fazer o controle da dieta somente quando a TFG estiver baixa, pois o fósforo se mantém “normal” no sangue às custas da produção de hormônios, como o PTH (paratormônio). Este hormônio ajuda a eliminar o fósforo pela urina, mas também retira cálcio do osso e isso, cronicamente, compromete a saúde do osso e aumenta o risco de fraturas.

Por isso, os pacientes com função renal comprometida, em qualquer estágio do tratamento, devem trabalhar com um nutricionista renal para ajudar a gerenciar os níveis de fósforo!

 

* De maneira prática, a Taxa de Filtração Glomerular significa o quanto seu rim está funcionando. Pergunte sobre isso ao seu médico e ele certamente poderá, dizer como está sua saúde renal.

 

 

Proteínas animas:

Absorção em torno de 60% do fósforo

 

 

 

 

Proteínas vegetais:

Absorção em torno de 40% no fósforo (a maioria está na forma de fitatos e não temos enzimas para digerir)

 

 

 

 

Alimentos com aditivos e bebidas gaseificadas com ácido fosfórico:

Absorção de 90% a 100% do fósforo

 

 

 

Dicas de como controlar a ingestão do fósforo.

 

  • Os alimentos na tabela mostram aqueles ricos em fósforo e os que possuem menor conteúdo, ou seja, as melhores substituições.
  • Desembale menos! Quanto mais natural for sua alimentação, mais vitaminas e menos aditivos tóxicos terá.
  • Se estiver tomando quelantes de fosfato, eles devem ser ingeridos junto com os alimentos que contêm fósforo. Peça orientações ao seu médico e nutricionista.
  • Se você estiver em Cetodieta (dieta restrita em proteína suplementada com comprimidos de aminoácidos + análogos), certamente estará ingerindo menos alimentos de origem animal, portanto a carga de fósforo já será menor.

 

KET173

Compartihe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

Mais Artigos

Efeitos sobre a uremia

Influência da redução proteica suplementada com cetoanálogos (KA) sobre os parâmetros da progressão da DRC em pacientes com e sem DM.     Após 15